O que é puericultura? Por que é importante?

Por outubro 20, 2017 Prevenção, Saúde Sem comentários
O que é PUERICULTURA?

Você sabe o que é a puericultura e por que ela é importante?

A puericultura é o acompanhamento regular da criança saudável com o pediatra, com o objetivo de supervisionar o crescimento e desenvolvimento sob todos os aspectos, para que seja possível atuar quando a criança não esteja evoluindo adequadamente. Na consulta de puericultura, o pediatra ouve as dúvidas e queixas da família e/ou cuidadores e também avalia a criança através de exame físico detalhado.

As ações preventivas do atendimento de puericultura são:

1. Higiene física: supervisão da higiene corporal e da estrutura existente no lar, como água apropriada, saneamento, etc.; levantamento das condições oferecidas à criança em termos de espaço físico e segurança domiciliar (prevenção de acidentes, etc.), além de prática de atividade física e livre brincar e áreas de lazer adequadas.

2. Higiene anti-infecciosa: acompanhar e aconselhar os pais durante o processo de vacinação; atuar na prevenção e detecção de quadros infecciosos.

3. Higiene mental: abordagem da dinâmica domiciliar, e aconselhar os pais e/ou cuidadores acerca das melhores opções para lidar com os distúrbios emocionais próprios da infância, ou com as dificuldades escolares e de socialização.

4. Higiene do crescimento: aferição periódica de parâmetros indicativos de crescimento e ganho de peso, prevenção do sobrepeso e obesidade.

5. Higiene alimentar: aconselhamento aos pais e/ou cuidadores sobre a introdução alimentar, orientando quanto aos melhores nutrientes a serem ofertados em cada etapa da vida para que possam servir de arcabouço para o crescimento e desenvolvimento sadios; incentivar hábitos alimentares saudáveis, além do aleitamento materno exclusivo.

É recomendável que a primeira consulta seja feita ainda antes do bebê nascer, por volta da 32ª semana de gestação, para que a família tire suas dúvidas sobre amamentação e demais cuidados com o recém-nascido.
Decidir quem será o pediatra do bebê é muito mais importante do que fazer um enxoval completo, ou qual carrinho da moda ele usará ou que tipo de fralda comprar. Não deve ser uma decisão tomada com pressa e sim uma escolha consciente. Pesquisar com amigos e família vale muito a pena.
A primeira consulta após o nascimento deve ser feita até 1 semana de vida do bebê, podendo haver necessidade de retorno semanal ou quinzenal no primeiro mês. A partir daí, se estiver tudo bem, as consultas são mensais até os 6 meses de vida. A partir dos 7 meses, a cada dois meses e a cada 3 meses até os dois anos de idade. Após essa idade, o pediatra vai indicar a periodicidade das consultas e é recomendável que seja mantido o acompanhamento até os 19 anos com o pediatra mesmo.

Não deixe de levar seu filho nas consultas de puericultura. É imprescindível que você tenha um pediatra de confiança acompanhando seu filho.
Tire todas suas dúvidas, leve elas anotadas se necessário; também tome notas das orientações que são dadas na consulta. Dessa forma você se sentirá mais segura e evitará idas desnecessárias a pronto-atendimentos lotados. Sabe-se que crianças que não acompanham com frequência tem duas vezes mais risco de serem hospitalizadas até os três anos de idade.
Ao encontrar um profissional que se encaixe no perfil da sua família, você garante mais qualidade de vida no futuro do seu filho.

Deixe um comentario