A importância da leitura na infância

A importância da leitura na infância

Você sabia que desde os primeiros meses já pode ler historinhas para o seu bebê? Mesmo antes de o bebê começar a balbuciar você já pode contar historinhas.

A leitura é um estímulo para a linguagem. A criança que lê é mais criativa e se comunica melhor. Pronuncia melhor as palavras, tem maior vocabulário e tem menos dificuldades e erros na escrita. Além disso é um meio de acesso a informações e estímulo ao senso crítico, para que a criança se torne um adulto mais preparado não só para os estudos e trabalho, mas para a vida.

Dicas:

✓ Leve seu filho à livraria para que ele escolha o que quer ler. Fique por perto e ajude para que ele escolha um livro adequado para sua idade. Não leve muitos livros de uma vez para que possa retornar mais vezes.

✓ Não tem dinheiro para comprar livros? Que tal ir a uma biblioteca pública? Segundo o IBGE, elas estão presentes em cerca de 85% dos municípios do país!

✓ Reserve pelo menos 20 minutos do dia para o momento da leitura. Escolha um local aconchegante e torne esse momento prazeroso para seu filho. Esse pode ser um momento em família para estreitar os vínculos e fazer com que seu filho associe a leitura a boas lembranças.

✓ Leia a história junto com o seu filho. A entonação da narrativa pode fazer toda a diferença para que ele se apaixone pelo hábito de ler.

✓ Com crianças pequenas que ainda não sabem ler, mostre as palavras e deixe-o folhear. Estimule a imaginação perguntando o que ele acha que vai acontecer na próxima página. Use e abuse da entonação e emoção quando estiver lendo para ele.

✓ Dê o exemplo. Não adianta você querer que seu filho tenha o hábito de ler se ninguém na sua casa tem esse hábito. Segundo pesquisa do Instituto Pró-Livro feita no Brasil em 2009, 55% dos entrevistados que não leem nunca viram os pais lendo e 86% nunca foram presenteados com um livro na infância. Estima-se que em média o brasileiro lê cerca de 2 livros por ano (na Inglaterra essa média é de 5 livros).

✓ Quando estiver lendo um jornal ou revista e achar algo interessante chame seu filho para ler com você.

E aí, vamos trocar a televisão por um livro?

“O desenvolvimento de interesses e hábitos permanentes de leitura é um processo constante, que principia no lar, aperfeiçoa-se sistematicamente na escola e continua pela vida afora.” Bamberger

Deixe um comentario